REVELAÇÃO, VOCAÇÃO E COMPAIXÃO NAS CINEBIOGRAFIAS SOBRE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

Júlio César Lobo

Resumo


O objetivo desse ensaio é analisar representações cinematográficas de períodos fundamentais da adolescência de São Francisco de Assis, levando em consideração as primeiras manifestações da vocação, como um chamado, a sua conversão ao Cristianismo e os momentos iniciais da irradiação do trabalho de sua ordem menor. Para tanto, escolhemos quatro filmes produzidos em períodos bastante diversos (1950,1961,1972,1989), originários da Itália e Estados Unidos com diversos valores de produção. Esse texto é parte de um projeto de pesquisa, intitulado “O que você quer ser quando crescer” em que buscamos observar como são construídas diversas vocações (artísticas, literárias, técnicas, religiosas, futebolísticas etc.) e o papel dos exames de admissão (principalmente, o vestibular), em quase 30 filmes de ficção de longa-metragem. Além disso, há o realce ao papel da família, mais propriamente paterno, na sugestão, escolha e eventual chantagem no processo de decisão dos protagonistas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.